quinta-feira, 5 de maio de 2011

Vale do Sado


Em Alcácer do Sal, no dia 21 de Abril, rumando ao vale do Sado, fomos visitar a Cripta Arqueológica do Castelo, onde se podem visitar as estruturas arqueológicas e os objectos trazidos aos nossos dias pelas escavações aí promovidas nas últimas décadas.

Salacia foi sempre um "tampão" quem a controlasse tinha na sua mão um rio, o estuário, o mar por perto e a serra por trás de si.

Já de ocupação pré-romana, alguns materiais, a exemplo de um escaravelho, denuncia um trânsito orientalizante; as orantes e os guerreiros da Idade do Ferro e as lindíssimas cerâmicas de bandas pintadas), Roma tornou-a ainda mais forte.

A Idade Média, quer a islâmica, quer a cristã consumaram a necessidade de assumir aquele território como fonte inesgotável de recursos e como sítio estratégico para qualquer dominação.

As Clarissas, séculos mais tarde, deram-lhe uma feição mais contemplativa, ficando delas rosários e contas, cruzes, linhas de bordar e doces que ainda hoje se podem provar em Álcacer do Sal.


Autor: M. F. Barata

Sem comentários:

Enviar um comentário